O Projeto Pedagógico do Curso de Fisioterapia, na sua operacionalização, permitirá o desenvolvimento de competências e habilidades específicas no acadêmico, tornando-o capaz de:
• Respeitar os princípios éticos inerentes ao exercício profissional;
• Conhecer o sistema de saúde vigente no país e estar apto a atuar nos diversos níveis de atenção à saúde, incluindo-se em programas de promoção da saúde, proteção específica, tratamento e diagnóstico precoce, limitação dos danos e reabilitação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano;
• Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;
• Realizar consultas, avaliações e reavaliações do paciente colhendo dados, solicitando, executando e interpretando exames propedêuticos e complementares que permitam elaborar um diagnóstico cinético-funcional, para eleger as intervenções fisioterapêuticas apropriadas;
• Tratar as disfunções no campo da Fisioterapia, em toda sua extensão e complexidade, estabelecendo prognóstico, reavaliando condutas e decidindo pela alta fisioterapêutica;
• Manter controle sobre à eficácia dos recursos tecnológicos pertinentes à atuação fisioterapêutica garantindo sua qualidade e segurança;